Conheça quais são as habilidades mais valorizadas no mercado de hoje

Para conseguir posições de destaque, é necessário portar algumas das habilidades mais valorizadas no mercado. Confira quais são a seguir!

Você acredita que o mercado funciona do mesmo jeito que 15 anos atrás? Com certeza, não. O mercado hoje exige posturas e habilidades diferentes.

Seja qual for a sua geração, hoje, as empresas precisam de profissionais bons naquilo que se propõem, mas que também tenham outras habilidades que influenciam no cotidiano, como as habilidades sociais, por exemplo.

Mas, você já sabe quais são estas habilidades sociais esperadas pelas empresas? Claro que, de empresa para empresa, estes conceitos podem variar significativamente.

Porém, existem algumas mais valorizadas no mercado que são comuns entre todos os empresários e colaboradores de todo o mundo. Vamos conferir quais são? Acompanhe com a gente:

Habilidades mais valorizadas no mercado atual

#1 Comunicação

A comunicação é considerada a principal habilidade social para todos os profissionais. Ou seja, é necessário conseguir transmitir claramente as suas mensagens, ser objetivo e ser compreensível com o receptor.

Dessa forma, é possível evitar alguns conflitos e problemas entre a equipe. Quando a comunicação é efetiva, seja ela oral, escrita, gestual ou comportamental, a mensagem é passada para todos igual e honestamente, e as oportunidades de tudo caminhar harmonicamente na empresa aumentam.

#2 Liderança

Um bom líder sabe se comunicar, é altruísta, consegue gerenciar suas estratégias, suas demandas e seu tempo, assim como a sua produção e criatividade. Além disso, é virtude de um líder saber lidar com sua inteligência emocional.

Eles também são influentes no que fazem, e conseguem dominar as situações de forma que tudo fique sob controle. Assim, um colaborador que faz bem o seu trabalho e ainda consegue ter poder de influência dentro da sua equipe, consegue se destacar no mercado.

#3 Competitividade

Quando falamos de competitividade não estamos falando de “puxar o tapete do coleguinha”. Aqui falamos da competitividade ética, que funciona honestamente e que não atinge ninguém negativamente.

Claro que todos estamos em competitividade profissional, mas ela serve para fomentar a cadeia de trabalho, de forma benéfica para todos.

#4 Autonomia

Ser um profissional autônomo é algo imprescindível para o mercado. Não precisamos mais de pessoas que apenas aguardam tarefas a serem delegadas ou a aprovação de alguém.

Também não se trata de “fazer a festa” dentro da empresa, mas, sim, de atingir o ápice das suas qualidades e tomar sozinho decisões benéficas para a empresa e para a equipe – com muito bom senso, é claro. Ser ágil e prestativo também faz parte deste cenário.

#5 Intraempreendedorismo

Sabe quando a pessoa veste mesmo a camisa da empresa? Aqui falamos de profissionais dedicados, que se sentem parte daquele negócio

Esse tipo de comportamento fortalece o trabalho em equipe e a produtividade. Claro, que aqui também precisamos ter bom senso.

#6 Identificar Comportamentos

Quando um colaborador consegue prever tendências para incluir novas estratégias, seja de serviço, de produto ou de mercado, ele certamente se destaca. Sabe aquele colega que dá ideias de melhorias para os processos? Inspire-se nele!

Mas, é necessário também que estas sugestões estejam de acordo com a realidade da empresa e com seus objetivos. 

#7 Networking

Quando alguém consegue criar e nutrir uma rede de contatos, ela já conseguiu algumas estrelinhas a mais que as outras. Isso porque o networking consegue mostrar que você consegue compartilhar conhecimento da área e tem capacidade para isso

E essa é uma das habilidades mais esperadas no mercado de hoje. É só dar uma olhadinha no LinkedIn para perceber, não é mesmo?

#8 Coletividade

Saber trabalhar em equipe é quase que uma obrigação para se manter no mercado de trabalho. Ter empatia pelos colegas também é outra questão importante.

Respeito, consciência de suas atitudes e prontidão acaba sendo benéfico não apenas para você, mas para todos os processos da empresa funcionarem bem. Quem consegue trabalhar bem em equipe, sabe que tem mais chances de conseguir posições de destaque.

Agora que você já conhece as habilidades mais valorizadas no mercado, talvez seja a hora de procurar ajuda profissional. Sendo assim, precisando de orientação para o seu ambiente corporativo, entre em contato com a gente!

COMPARTILHE: