Vulnerabilidade X Liderança: como essa relação beneficia as empresas?

Posições de liderança precisam demonstrar vulnerabilidade para construir relações positivas em seu ambiente de trabalho. Confira um pouco mais!

Por que quando pensamos em liderança logo vem à nossa mente os chefes rígidos? Talvez tenhamos guardadas na memória algumas experiências junto de pessoas distantes. Mas, possivelmente, tivemos também exemplos de líderes que oferecem apoio junto à equipe, que compartilham planos e desafios, demonstrando mais vulnerabilidade, em alguns momentos.

Não ter medo de demonstrar esta vulnerabilidade é algo muito importante para o mercado de trabalho. Sendo assim, exibir a impressão de estar sempre “acima de tudo” é algo que não se encaixa mais nestes perfis. Da mesma forma, o excesso de autoconfiança, a intolerância e a distância emocional para com os colaboradores não são mais características esperadas para as posições de liderança.

Além do mais, momentos incertos, como o de uma pandemia, nos trazem reflexões sobre o papel da vulnerabilidade dentro das empresas. Afinal, crises e imprevistos podem acontecer com qualquer pessoa. E, com tantas dúvidas acerca do futuro, neste momento, é necessário romper alguns paradigmas para uma melhor convivência corporativa.

Como são muitas as questões desafiadoras, a grande maioria das pessoas não conseguem mais portar-se como os donos da razão, que sabem exatamente como resolver todas as adversidades, ou dar todas as respostas. Até porque estamos todos sem saber direito o que irá acontecer daqui para frente. Talvez, um dos maiores aprendizados que podemos tirar da pandemia é que não temos controle absoluto de quase nada. Por isso, demonstrar que estamos todos juntos para encarar os desafios é o mais esperado pelas equipes.

As posições de liderança e a vulnerabilidade

Liderar não quer dizer apenas estar à frente comandando resultados. O caminho para alcançar o objetivo para isso tornou-se ainda mais importante. Assim, um bom líder é aquele que pensa em toda a equipe e faz de tudo para que exista motivação para alcançar as metas. É fundamental lembrar sempre que são as pessoas que alcançam as metas.

Pensar e agir com empatia e estimular a conquista dos objetivos, pessoais ou de toda a empresa, são atributos imprescindíveis para estes cargos. Além disso, estes fatores podem transformar todo o mindset da equipe e trazer melhores resultados. Logo, percebemos que  assumir nossa vulnerabilidade é muito importante atualmente e, por isso, vamos falar um pouco mais sobre o tema nas linhas a seguir. Acompanhe:

Conectando-se de verdade

É normal do ser humano necessitar de conexões emocionais, isso faz parte das nossas relações. “Conexão é o motivo de estarmos aqui, é o que dá propósito e significado à nossa vida. É a razão de tudo”, disse Brené Brown, autora do livro “O Poder da Vulnerabilidade”.

Manter laços afetivos, socializar, encontrar e conhecer novas pessoas são coisas naturais e importantes para nos sentirmos vivos. Inclusive, aqueles relacionamentos onde nos permitimos construir relações profundas, baseados em trocas verdadeiras, geralmente, são os que mais marcam nossas vidas.

Família e amigos são os maiores exemplos de fortes conexões. Em seguida, temos as relações de trabalho, com colegas e líderes corporativos. E, apenas agindo com vulnerabilidade, conseguimos conquistar estes vínculos.

Mas, afinal, o que é demonstrar vulnerabilidade? Basicamente, trata-se de mostrar-se como um ser humano, que erra e aprende com os erros, que sabe escutar as pessoas, que motiva e inspira todos na empresa. Despertando sentimentos positivos nas pessoas e permitindo com que elas se conectem é que um bom líder ganha reconhecimento.

Vamos te exemplificar agora como demonstrar vulnerabilidade de maneira positiva para que você perceba na prática como isso pode ser benéfico para todos. Veja só:

Reconhecer e autoconhecer

Quando você permite que os sentimentos surjam e cresçam, você é visto pelas pessoas a partir deles. Assim, praticar a inteligência emocional também é algo importante.Para gerenciar melhor suas emoções e lidar melhor com as emoções dos outros. Desta forma você será percebido pelos outros como um bom exemplo.

Faça uma autoanálise para perceber onde estão suas falhas. Somente após essa conexão interna, é possível conectar-se com os outros. Isso porque, para demonstrar vulnerabilidade de maneira positiva, você deve primeiro aprender a administrar o que você sente.

Não tenha medo

Se hoje estamos onde estamos, é porque percorremos caminhos. Entretanto, outras pessoas fizeram parte destes caminhos. Talvez até como uma alavanca para alcançar um novo degrau, não é mesmo?

É totalmente distorcida a ideia de que ao assumir um cargo de liderança, você sabe todas as respostas para controlar o rendimento da equipe. Líderes não são apenas as pessoas que as equipes buscam ajuda quando necessário. Isso, inclusive, pode gerar uma sobrecarga tremenda, quando deveria na verdade ser visto como algo colaborativo. As pessoas da equipe deveriam desenvolver cada vez mais autonomia na realização de suas tarefas e o líder focaria nas decisões mais estratégicas.

Para se alcançar relações harmoniosas e de confiança entre liderança e colaboradores, a vulnerabilidade é essencial. Assim, ter essa coragem de ser vulnerável, não ter medo de demonstrar incertezas e demonstrar que todos são seres humanos, fortalece consideravelmente as relações corporativas.

Enfrente os conflitos

Quando todos pensam o mesmo, ninguém está pensando muita coisa, não é verdade? O medo de questionar, ou discordar de posições pode causar alguns conflitos desnecessários. Na verdade, o medo de gerar conflitos pode acabar criando-os.

Contudo, estar disposto a enfrentá-los também é um jeito de demonstrar vulnerabilidade. Nem sempre quando alguém vai contra o que você está falando quer dizer que ela está contra você. Pode ser que ela esteja tendo outra perspectiva que você ainda não teve, e essa pessoa merece ser escutada. Afinal, conversas construtivas promovem colaboração, quando o objetivo principal é fazer com que juntos todos cresçam.

Gostou de saber as vantagens de ser vulnerável em uma posição de liderança? Podemos te dar ainda mais dicas de como melhorar as relações no seu ambiente de trabalho. Basta entrar em contato!

COMPARTILHE: